Buscar
  • Requião

Aprovado projeto de Requião que blinda pequena empresa contra “fúria arrecadadora”


15689661800_3f222116e1_k

“Essa fúria tributária, essa insistência em arrecadar, coloca em risco as pequenas empresas, anulando os benefícios garantidos a elas por lei”, argumentou Requião. O senador explicou que a substituição tributária surgiu no estado de São Paulo para atender problemas localizados, mas acabou punindo especialmente as micro e pequenas empresas, cuja sobrevivência está hoje sob risco.

Relatada pela senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), a proposta institui uma nova hipótese de restituição do ICMS. Hoje, a Lei Kandir já assegura a esses contribuintes o direito à restituição de valor quando o fato gerador presumido (a venda) não se realizar. O PLS 201/2013 prevê a compensação também quando a venda se realizar com base de cálculo inferior à estimada pela Secretaria da Fazenda.

Segundo a relatora, a Lei Complementar 147/2014 atendeu diversas reivindicações desse segmento empresarial quanto à substituição tributária, como a separação das receitas decorrentes da venda de mercadorias submetidas a esse regime para fins de cálculo do ICMS. Para ela, é uma solução adequada, mas não suficiente, daí o apoio à proposta de Requião.

Esse dispositivo legal, na avaliação de Gleisi Hoffmann, “não estabeleceu limites à imposição tributária severa aos micro e pequenos empresários”, lacuna preenchida pelo projeto de Requião.

Durante a discussão da matéria, o senador Eduardo Suplicy (PT-SP) chegou a pedir vista – o que impediria a votação na reunião desta terça-feira –, mas acabou cedendo a apelos da relatora  e dos senadores  Rondolfe Rodrigues (PSOL-AP), Luís Henrique (PMDB-SC), Armando Monteiro (PTB-PE) para aprovar a matéria na comissão e deixar alguma eventual alteração para emenda de Plenário.

Antes de seguir para o Plenário, o projeto deverá ser votado pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS).

Projeto de Lei

Parecer da relatora

Áudio relacionado (para emissoras de rádio)





Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

(Com Agência Senado)

0 visualização

Posts recentes

Ver tudo